PORTAL CASA NOVA - LOGIN
LOGIN PCN

Médicos baianos vão às urnas dias 24  e 25 para escolher novos representantes

0

O passo a passo para a votação on-line já pode ser consultado.

4.118 médicos e médicas, habilitados para votar nas eleições do Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed), deverão acessar as urnas virtuais das 08 horas de domingo (24) às 18 horas de segunda-feira (25). O voto poderá ser registrado a partir do aparelho de celular, tablet, computador ou notebook, em link que disponibilizado pelo sindicato aos filiados.

A Chapa 1 – Luta Médica, que concorre à diretoria do Sindicato, elaborou um vídeo com o passo a passo, para que os filiados saibam como acessar a plataforma e votar de forma rápida e prática, sem sair de casa.

Veja passo a passo como votar (https://youtu.be/l0WKAwDjwro).

 Ao acessar o link, o primeiro passo é informar o CPF e CRM no campo login. Em seguida, será enviado para o número do celular ou e-mail cadastrado pelo médico filiado, um código de segurança (token), que deve ser informado na tela seguinte. O próximo passo é aceitar os termos do processo eleitoral e iniciar a votação.  Ao aparecerem os nomes das chapas que estão concorrendo, o usuário seleciona a opção de preferência e confirma seu voto. No fim do processo é possível salvar e imprimir um comprovante de votação.

Durante toda a campanha, na contramão das disputas pessoais entre membros da atual gestão do Sindimed, os representantes da Chapa 1 – Luta Médica se empenharam em apresentar propostas concretas para a categoria, divulgar as eleições através dos canais digitais e na imprensa e garantir a participação de todos os filiados habilitados e a inscrição de diferentes chapas no processo democrático, conforme as prerrogativas do Estatuto da instituição.

“Acreditamos que um sindicato forte só é possível com a participação efetiva de todos. É por isso que, antes mesmo do período eleitoral, nos colocamos vigilantes e atentos às manobras que pudessem prejudicar as eleições. Questionamos a obrigatoriedade do recadastramento para votação, que acabou sendo convertida em atualização cadastral; acionamos o Ministério Público do Trabalho para mediar conflito no processo eleitoral; combatemos as fakenews e, sobretudo, apresentamos um plano de ação para uma nova gestão capaz de construir um ambiente de convivência pacífica e civilizada e que defenda os interesses da categoria, a saúde pública digna e o fortalecimento do Sistema Único de Saúde.” Reforça Francisco Magalhães, Médico Generalista e candidato à presidência do Sindimed pela Chapa 1 – Luta Médica.

Conheça as propostas da Chapa 1 – Luta Médica. Flávia Maciel

Assessoria de Comunicação e Produção Executiva de Projetos

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies