O site e guia da cidade

Com acirramento de multas por vale-pedágio, TruckPad Pay ajuda transportadoras a operarem dentro da lei

0

- Anúncios -

Agência Nacional de Transportes Terrestres reforça fiscalização e passa a autuar com assiduidade empresas que não destacam o valor do pedágio no frete

São Paulo, outubro de 2021 – Assim como Programas de assistência ao trabalhador regulamentam que benefícios como Vale Transporte ou Vale Refeição tenham que ser pagos de forma separada do salário aos colaboradores, o mesmo acontece com o pagamento de pedágio ao caminhoneiro autônomo, que deve acontecer pelo dono da carga, em um formato de vale. E é dentro desse cenário que o TruckPad Pay , carteira digital voltada para motoristas e transportadoras, ajuda as empresas a operarem em conformidade com a lei, sendo uma forma homologada de emitir o vale-pedágio.

Após algumas denúncias, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) está reforçando o monitoramento e aplicando multas para quem não destacar o valor do pedágio no pagamento do frete. De acordo com Carlos Mira, CEO e fundador do TruckPad , maior plataforma da América Latina de conexão de cargas e caminhoneiros autônomos e que disponibiliza a solução, um grande ponto a ser levado em consideração é que muitas empresas desconhecem essa obrigatoriedade.

“Algumas companhias e donos de carga acabam ficando em desconformidade com a Lei por não saberem como funciona o pagamento do pedágio, e embutem no valor total do frete. E é justamente para regularizar a situação que os órgãos de fiscalização estão rastreando os caminhoneiros autônomos que passam pelas praças de pedágio sem a antecipação do vale e autuando o dono da carga que deixa de repassar o benefício ao motorista. Com o TruckPad Pay esse complicador deixa de existir, já que a empresa é homologada pela ANTT para emissão do vale-pedágio”, explica.

Para se ter uma ideia, até março deste ano o país contava com 766 mil caminhoneiros autônomos, número que representava 38% da frota de veículos de carga. Apesar disso, no entanto, em média, apenas 13% do valor do frete se traduzem em renda efetiva para o transportador autônomo, conforme boletim informativo do Ministério da Economia. Com base nos dados, é possível traçar uma ideia sobre como a transferência do vale-pedágio é importante e faz diferença na renda do caminhoneiro autônomo.

“O pagamento do frete de forma correta é um fator a mais para que os caminhoneiros autônomos deixem de ser tão informais no Brasil. Eles são uma das classes trabalhadoras que mais apoiam todo o ecossistema da economia do país!, finaliza o executivo.

O TruckPad Pay
Criado pelo TruckPad, um marketplace digital de fretes, TruckPad Pay nasceu como uma carteira digital para permitir que os motoristas de caminhões recebam o pagamento de seus fretes e o utilizem em produtos e serviços automotivos ou transfiram para suas contas pessoais. Diante do cenário de Covid-19, a solução “contactless” ajudou que o segmento de logística continuasse funcionando sem expor os trabalhadores à doença, uma vez que toda a utilização do serviço se dá por pagamento em QR Code, sem precisar de contato com cartões e maquininhas.

Com funcionamento totalmente pelo celular, a tecnologia permite que os caminhoneiros não tenham mais que lidar com os diversos cartões pré-pagos que costumam ser entregues como meio de pagamento pelos fretes.

Já para as transportadoras, existe a facilidade de não precisar emitir e entregar o cartão físico, já carregado, a cada frete contratado. Além de não desembolsar todo o valor antecipadamente – o TruckPad Pay cobra das transportadoras à medida que o motorista vai utilizando o saldo de sua carteira. Já para os lojistas, a principal vantagem é não precisar de diversas maquininhas para atender os diferentes cartões.

Além disso, o produto ajuda a dar um fôlego extra para pequenas e médias empresas de transportes, uma vez que essas empresas normalmente recebem em até 120 dias de seus clientes embarcadores, mas precisam pagar seus caminhoneiros autônomos à vista. Neste cenário, o TruckPad Pay passa o valor para os caminhoneiros e dá um prazo extra para que as transportadoras liquidem financeiramente a operação

Sobre o TruckPad
O TruckPad, maior plataforma de conexão entre caminhoneiros e cargas na América Latina, foi fundado em 2013 por Carlos Mira, empresário brasileiro com mais de 35 anos de experiência no setor de transporte rodoviário de cargas. Com mais de um milhão e duzentos mil downloads, o TruckPad conta com investidores como a Mercedes-Benz, o provedor de mapas e roteirização Maplink, a Plug and Play Tech Center (a mais ativa aceleradora de startups do Vale do Silício) e a FTA (Full Truck Alliance), gigante chinesa do setor de transportes.

NR-7 Comunicação

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies