Na coluna do Jornal A tarde, o edição desta segunda-feira (23), a versão web trás referencias a cidade de Casa Nova, quando ao falar de operação que levou à prisão empresário acusado de manter em casa mais de oitocentos mil reais e que o dinheiro seria provas suficientes para condenação, o município de Casa Nova e outras cidades são citados como possíveis participações em atitude suspeita. Confira:

CIDADE SOL

A operação Offerus, realizada em Agosto de 2018, fez busca e apreensão em vários municípios baianos, levando ao xilindró o empresário Alex Runaro de Oliveira, que mantinha em casa de R$ 850.000,00 (oitocentos e cinquenta mil reais).

Depois de ter seus Habeas Corpus negados pelo STJ e STF, o empresário, preso há mais de um ano, tenta negociar um acordo de delação premiada. Os investigadores resistem, por entender que já dispõem de provas suficientes para condenação.

O candidato a delator, todavia, pretende entregar outras prefeituras. Na mira, doações eleitorais de caixa 2 em Jequié, Casa Nova e Ipirá.