Mais 80 professores são capacitados em esporte educacional por projeto do IEE na Bahia;
Com patrocínio da AES Tietê, serão realizados mais dois encontros de formação nos municípios de Caetité e Igaporã

Outubro de 2019 – Os municípios baianos de Caetité e Igaporã voltam a receber o projeto Formação Continuada de Professores da Rede Pública, realizado pelo Instituto Esporte & Educação (IEE). Na quarta (23) e quinta-feira (24), ocorrerá mais um módulo de formação, o terceiro do ano. O projeto nas localidades tem o patrocínio da AES Tietê, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte do Governo Federal. O IEE foi criado e é presidido pela medalhista olímpica Ana Moser.

Para o encontro de capacitação em Caetité são esperados 40 professores da rede municipal. Eles se reunirão junto aos formadores do IEE na quarta-feira (23), a partir das 8h, no CETEP Sertão Produtivo, no centro da cidade. Já na quinta-feira (24), os profissionais do IEE estarão em Igaporã para formar outros 40 professores, no CIAC Olga Laranjeira Bastos, das 8h às 17h.

Nesta terceira capacitação do ano, os formadores do IEE abordarão com os participantes conceitos que estruturam teoria e prática do esporte educacional nas aulas de educação física, por meio do estudo da metodologia do Sistema PROTEGE.

“Entendendo a importância do jogo para a educação física escolar, o Sistema PROTEGE é um importante mecanismo para que o professor possa fazer intervenções qualificadas com seus alunos, impactando diretamente nos processos educativos e no aprendizado deles conforme sua realidade”, comenta Felipe Procópio, subcoordenador do IEE. Ele e Cibele Venâncio serão os responsáveis pela capacitação nos municípios.

Formação de Professores da Rede Pública – O projeto Formação de Professores da Rede Pública está no seu sétimo ano e tem a missão de formar professores e gestores na metodologia do esporte educacional, com o objetivo de qualificar e ampliar o acesso de crianças e jovens ao esporte dentro e fora da escola.

Neste ano, o projeto atua em 14 cidades de oito estados (Goiás, Bahia, São Paulo, Rio Grande do Sul, Tocantins, Ceará, Amapá e Mato Grosso) para capacitar cerca de oitocentos professores e gestores da rede pública para a implantação e qualificação de programas voltados para a prática da educação física e do esporte nas cidades.