Em nota, PCPE afirma que não vai se manifestar sobre declarações de defesa de suspeito no Caso Beatriz - Portal Casa Nova - Notícias

Em nota, PCPE afirma que não vai se manifestar sobre declarações de defesa de suspeito no Caso Beatriz

beatriz

Em resposta a este Blog, a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) informou, por meio de nota da assessoria de imprensa, que não vai se pronunciar sobre as declarações da defesa de Allinson Henrique Cunha no dia de ontem (24). Allinson, ex-funcionário terceirizado do Colégio Maria Auxiliadora, é acusado de apagar as imagens das câmeras de monitoramento da instituição de ensino de Petrolina onde a menina Beatriz Angélica Mota, 7 anos, estudava e foi brutalmente assassinada na noite de 10 de dezembro de 2015.

Na nota enviada ontem à imprensa regional, a defesa alegou que as imagens foram apagadas pela própria polícia, a qual agora tenta pegar Allinson como “bode expiatório”A. A nota também foi assinada pelo ex-funcionário.

Segundo a PCPE, o caso corre sob segredo de justiça e, por este motivo, não vai se manifestar.

Fonte: Carlos Britto

Adailton Santana

Adailton Santana é Radialista profissional, com o Registro número RPR 8204/BA. Exerce a profissão há mais de 12 anos e é proprietário do Portal Casa Nova. Há 10 anos leva para o mundo, notícias e informações locais e regionais, tornando-se o site um dos sites mais bem acessados de Casa Nova e região.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta