O site e guia da cidade

Vitória histórica: PCdoB-BA conquista sua maior bancada no Legislativo

0

- Anúncios -

Vitória histórica: PCdoB-BA conquista sua maior bancada no Legislativo

O PCdoB na Bahia comemora o resultado histórico que alcançou nas eleições deste ano no estado. O partido conseguiu aumentar em cerca de 65% o número de vagas na Assembleia Legislativa (AL-BA) – de três para cinco – e manter a bancada que possui na Câmara Federal, com a reeleição dos deputados federais Alice Portugal e Daniel Almeida, e com a possibilidade de chegar a três parlamentares, porque Isaac Carvalho, que obteve expressiva votação, tem a candidatura questionada na Justiça.

Para a Assembleia, foram eleitos, por ordem de votação, Adalberto Barreto (Dal), Olívia Santana – os dois que estreiam -, Raimundo Tavares (Bobô), Fabrício Falcão e Crisóstomo Lima (Zó) – os três últimos foram reeleitos. O PCdoB saiu em chapa própria para a disputa à Assembleia e foi o 5º partido mais bem votado na categoria, com 514.572 votos, conquistados pelas 44 candidaturas a deputado/deputada estadual, o que equivale a 7,38% da votação.

A eleição de 2018 também representa a primeira vez em que o PCdoB está presente na chapa majoritária eleita no estado, com Davidson Magalhães na primeira suplência do senador eleito Ângelo Coronel (PSD). Além de Ângelo, também foi eleito para o Senado Federal o ex-governador Jaques Wagner (PT).

O presidente estadual do PCdoB, Davidson Magalhães, afirmou, após a conclusão da apuração, que o momento é de comemoração, mas também de agradecimento. “Foi uma votação histórica. Todos e todas as candidatas que compuseram a chapa contribuíram para que o cesto proporcionasse à vitória. Em todo esse tempo de militância, essa foi a nossa maior vitória na Bahia, e eu parabenizo a direção coletiva do partido pela condução desse processo vitorioso”.

Governador reeleito

O governador Rui Costa, apoiado pelo PCdoB, foi reeleito com mais de 75% dos votos, ao lado do vice, João Leão (PP), derrotando o carlista José Ronaldo (DEM), que obteve 22,30%.

2º turno

Com a expressiva votação na Bahia, o PCdoB tem como nova tarefa eleger Fernando Haddad (PT) e Manuela D’Ávila (PCdoB) presidente e vice do Brasil, no segundo turno. O partido conclama todos os que são comprometidos com a democracia a derrotar o projeto antipovo, antidemocrático, elitista e fascista representado por Jair Bolsonaro (PSL).

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies