PORTAL CASA NOVA - LOGIN
LOGIN PCN

Faltam 2 dias para o Enem: como controlar a ansiedade e o que levar no dia da prova

0

Faltam 2 dias para o Enem: como controlar a ansiedade e o que levar no dia da prova

Faltam 2 dias para o Enem: como controlar
a ansiedade e o que levar no dia da prova

Confira dicas para não deixar a expectativa arruinar seu desempenho na prova e, no final do texto, fique ligado no checklist dos materiais que são proibidos e os que são permitidos dentro da sala de provas

O primeiro dia de provas do Enem é neste domingo, 5 de novembro. Manejar a expectativa e manter a mente serena nos dias que antecedem o exame é um desafio para qualquer estudante. Para Rafael Lomazi, professor de Biologia do Stoodi – plataforma de educação a distância – controlar a ansiedade é essencial para apresentar um bom desempenho em qualquer avaliação. Ele conta que, em momentos de tensão, o corpo humano produz uma substância chamada cortisol. "Em grandes quantidades, esse hormônio é responsável por dificultar o armazenamento de informações e gerar o temido ‘branco’ na hora da prova", explica.

Para ajudar os alunos a ficarem mais calmos, o professor dá algumas dicas. "Atividades físicas nos dias que antecedem o exame facilitam o relaxamento porque fazem com que o corpo produza analgesia (reação contra a dor) de uma maneira natural e libere endorfina (hormônio do prazer) através da hipófise. Outra dica é dormir uma média de 7 a 8 horas, para que o corpo complete pelo menos cinco ciclos do sono profundo [cada ciclo dura, em média, uma hora e meia]", diz.

Lomazi orienta também que os alunos se alimentem de uma maneira saudável, priorizando frutas e verduras. E que façam o caminho de casa até o local das provas com dois dias de antecedência. "Isso ajudará o aluno a evitar imprevistos na hora de ir para o Enem e a se sentir pronto para a hora da prova. Outra orientação é de não entrar em desespero: tudo o que o estudante podia fazer, já fez durante o ano. Então, nada de tentar estudar em demasia nos últimos dias", fala.

Já para o dia do exame, o professor do Stoodi aconselha que os alunos cheguem com pelo menos uma hora de antecedência em relação ao horário de fechamento dos portões e que, durante a resolução da prova, dêem algumas pausas para oxigenar o cérebro. "Mesmo que não esteja com sede ou vontade de ir ao banheiro, oriento que o aluno dê uma saída rápida. Durante este intervalo curto de tempo, a dica é esquecer o conteúdo da prova: respirar fundo, pensar em coisas boas, falar com alguém em voz alta. Essas ações ajudam o cérebro a desligar do estresse e fazem com que o aluno volte com foco total para terminar a prova", comenta.

Arthur Marques Andrade, de 17 anos, vai fazer o Enem e conta que a ansiedade é um problema para ele há bastante tempo. "Acho que isso acontece pelo fato de eu cobrar muito de mim mesmo, por eu ter a total convicção que minha aprovação depende exclusivamente de mim e que um possível fracasso terá sido provocado por um despreparo físico ou mental", comenta. Sua estratégia para diminuir a ansiedade é ouvir músicas instrumentais, se distrair com alguma série ou filme e conversar sobre o assunto com familiares.


Dicas para o dia 5

O professor de Geografia também do Stoodi, Érico Candido, calcula que, apenas mantendo a calma, o aluno já saia na frente de 30% dos candidatos. "No ano passado, 2,6 milhões de estudantes se inscreveram no Enem e não compareceram às provas. Outro ponto básico, mas muito importante, é preencher os dados corretamente. Ano passado, 768 candidatos foram eliminados do exame, sendo que 44% dos alunos foram eliminados por terem se esquecido de marcar o tipo de prova ou por não ter escrito a frase de segurança", comenta. Candido ressalta ainda que a atenção deve ser mantida até o término da prova. "Muita gente se embanana na hora de preencher o gabarito. Tem que tomar muito cuidado para não perder pontos preciosos. A mesma dica se aplica para o momento que for passar a redação do rascunho para a folha oficial", conclui.

Outro fator que pode gerar muita ansiedade é não saber direito o que pode e o que não pode levar para o Enem. Para evitar mais essa preocupação, o Stoodi preparou um checklist composto pelos documentos que são aceitos pelo processo seletivo, os materiais que são autorizados, e os que são proibidos.


Quais são os horários de provas do Enem?

As provas começarão às 13h30, no horário oficial de Brasília. No primeiro domingo (5/11), o término está previsto para às 19h. Já no segundo dia de provas (12/11), o término será às 18h.

Programação oficial:

12h – Abertura dos portões

13h – Fechamento dos portões

13h às 13h30 – Procedimentos de segurança na sala de prova

13h30 – Início das provas

19h – Término das provas em 5/11

18h – Término das provas em 12/11

Quais documentos são aceitos no Enem?

Se você costuma andar com documento autenticado, fique esperto: o Enem só aceita os originais. Evite estresse e não deixe para separar na última hora.

Veja os documentos que serão considerados:

– Passaporte

– Cédula de identidade (RG)

– Certificado de Reservista

– Carteira Nacional de Habilitação

– Certificado de Dispensa de Incorporação

– Carteira de Trabalho e Previdência Social

– Identidade Funcional em consonância com Decreto 5.703/06

– Identificação fornecida por ordens ou conselhos de classe

– Identidade para estrangeiros expedida pelo Ministério da Justiça

Obs: De acordo com o Inep, se você perdeu o seu documento ou ele foi roubado, é preciso apresentar Boletim de Ocorrência expedido por órgão policial há, no máximo, 90 dias do primeiro domingo de aplicação.

Quais materiais o aluno deve levar para a prova?

O Enem tem algumas particularidade que são necessárias seguir. Para fazer a prova, só serão aceitas caneta esferográfica de tinta preta e fabricada em material transparente.

O que é proibido no Enem?

– Lápis

– Lapiseira

– Caneta de material não transparente

– Borracha

– Chaves

– Livros

– Manuais

– Anotações

– Boné, chapéu, viseira, gorro ou similares

– Fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens

– Óculos escuros

– Dispositivos eletrônicos (calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares, smartphones, tablets, ipods®, pen drives, mp3 ou similares, gravadores, relógios, alarmes)

Sobre o Stoodi

Lançado em 2013, o Stoodi é uma startup de educação à distância que oferece videoaulas, plano de estudos e monitorias transmitidas ao vivo. A plataforma nasceu com o objetivo de democratizar o acesso à educação no país, oferecendo uma plataforma intuitiva e acessível para facilitar a vida dos estudantes em fase pré-vestibular e de alunos do ensino médio que precisam de reforço escolar. A plataforma já conta com 800 mil alunos cadastrados e 40 milhões de aulas assistidas, que correspondem a 5 milhões de horas de conteúdo.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies