PORTAL CASA NOVA - LOGIN
LOGIN PCN

Centenas de peixes são encontrados mortos em lagoa de Petrolina, PE

0

A Lagoa fica no Loteamento Parque Jatobá, Zona Leste de Petrolina. Baixa oxigenação ou algum tipo de veneno pode ter causado a morte dos alevinos.

Centenas de peixes apareceram mortos, nesta terça-feira (17), em uma lagoa no bairro Jatobá, Zona Leste de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Ainda não se sabe o que provocou a morte dos peixes, todos da espécie tilápia.

Os peixes morreram na noite desta segunda-feira (16). Quando o dia amanheceu, os moradores da região ficaram assustados. “Eu nem imaginava que tinha esse tanto de peixe aqui. Ontem tinha um pouqinho, hoje já apareceu mais e com certeza vão morrer tudo, do jeito que está ai, não tem como escapar”, disse o supervisor de área Osmando Sabino.

Um das principais hipóteses para explicar o que houve é que a água pode ter ficado mais aquecida, o que diminuiu a quantidade de oxigênio. Sem conseguir respirar, os peixes morreram. O Ibama esteve no local e não descarta outra possibilidade para a morte dos peixes.

 

“Não é descartada a possibilidade de alguém ter jogado algum veneno, tendo em vista que o terreno é totalmente aberto e tem acesso ao público. Aqui cai esgoto direto, então alguém pode ter derramado um vidro de veneno em uma caixa de esgoto e vim parar aqui”, disse o engenheiro de pesca do Ibama, Vanderlei Pinheiro.

Segundo o Ibama, a investigação fica comprometida por causa da quantidade de esgoto que é lançado na lagoa. O engenheiro de pesca faz um alerta para que a população não consuma os peixes mortos em hipótese alguma.

“Não deixar o povo consumir, não deixar o povo pescar e secar para evitar o acesso ao público.  Caso tivesse um laudo que pudesse responsabilizar, o Ibama autuaria a empresa ou pessoa física ou jurídica, com multa de R$ 5 mil a R$ 50 mil, mais pena de detenção de três anos”, detalhou Vanderlei.

Em nota, a Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma), informou que vai enviar técnicos ao local para que seja feita uma análise do que pode ter causado a morte dos peixes. Não foi informado quando os animais serão retirados da lagoa. De acordo com a Amma, a lagoa funciona de forma irregular como um lagoa de estabilização de esgoto que atende aos condomínios no entorno e que tem uma baixa concentração de oxigênio, o que pode ter matado os peixes.

A Compesa confirmou que no bairro Jatobá não existe lagoa de estabilização constituída pela companhia. O órgão aproveitou para informar que para colocar o sistema coletor em funcionamento no bairro Jatobá, está concluindo projetos e fechando parcerias. As obras devem iniciar ainda no primeiro semestre deste ano.

Do G1 Petrolina (Foto: Aracelly Romão / TV Grande Rio)

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies